Arquivos da categoria: A Artista

Pílulas de cultura no CCSP!

Olá a todos,

Neste domingo, dia 25 de agosto, tem PÍLULAS DE CULTURA no CCSP! Estão todos convidados a participar. A conversa, sobre a produção cultural negra, vai ser boa e com umas moças bem bacanas – eu, inclusive rs… – discutindo a questão. Abaixo o convite e o release. Não percam!

Um grande beijo a todos,

Rosana


Pílulas de Cultura Feira Preta

As PÍLULAS DE CULTURA FEIRA PRETA, evento mensal no Centro Cultural São Paulo, uma parceria entre o Instituto Feira Preta e o CCSP, traz neste mês de agosto o protagonismo de artistas negros e negras na gestão de suas empresas e coletivos. Com o tema “Estética e Gestão da Produção Cultural Negra”, o principal objetivo desta edição é abordar o processo de criação e a qualidade estética dos trabalhos destes artistas na contemporaneidade. O público vai acompanhar um debate sobre o tema, uma intervenção teatral com a Cia. Os Crespos, o espetáculo “BAKÔ”, da bailarina e coreógrafa Luciane Ramos e exposição de gravuras da artista plástica Rosana Paulino. As PÍLULAS DE CULTURA FEIRA PRETA acontecerá no dia 25 de agosto de 2013, das 16h às 20h, no Centro Cultural São Paulo (R. Vergueiro, 1000, Sala Adoniran Barbosa), com ENTRADA FRANCA.

A Programação

A partir das 16h a DJ Vivian Marques apresenta um poderoso set que mistura estilos como Hip Hop clássico e underground, R&B, Soul, Funk’s 70, entre outras vertentes da música negra. Vivian é idealizadora do Projeto “Futuro do Hip Hop” e das baladas “Todos por um” e “Nos tempos da Soweto.

Rosana Paulino, artista visual e educadora, doutora em artes visuais pela ECA/USP, levará trabalhos seus para um exposição na Pílula, via projeção de imagens. A artista discute a questão do indivíduo negro na sociedade brasileira, como foco especial para a mulher. A artista possui obras em importantes museus e tem participado ativamente de diversas exposições tanto no Brasil como no exterior. Em 1998 viajou para Londres com bolsa de estudos do governo brasileiro para especialização em gravura no London Print Studio e atualmente é doutoranda em Poéticas Visuais pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). Foi também bolsista do Programa Bolsa da Fundação Ford nos anos de 2006 a 2008.

Às 17h começa a Roda de Conversa sobre o tema “Estética e Gestão da Produção Cultural Negra”. É a oportunidade para entender como acontecem os processos criativos de um artista, de que forma ele gerencia suas ações no mercado artístico, como ele pensa e coloca nos palcos os seus projetos e sob qual ótica ele insere as informações que proporcionam reflexões no público. Neste bate-papo, estarão presentes Rosana Paulino, Renata Felinto, Artista plástica, pesquisadora e doutoranda em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP. Sócia proprietária da Cubo Preto – arte, história e cultura afrobrasileira. Integra a conversa também, Sidney Santiago, Ator, Formado na Escola de Arte Dramática EAD/ECA/USP e um dos fundadores da Cia de Teatro “Os Crespos”. Para fechar a roda de conversa, Luciane Ramos, paulistana, intérprete-criadora, antropóloga, bailarina e pesquisadora. Tem formação em dança especialmente nas raízes das danças afrodiaspóricas e galhos que se estendem por outras técnicas contemporâneas, abordagens somáticas e treinamentos investigativos. Doutoranda em Artes da Cena e mestre em antropologia pela UNICAMP, desde 2003.

Às 18h30 é vez da intervenção Teatral dos Os Crespos. Sidney Santiago e atrizes da companhia interpretam um texto que discute os encontros e desencontros do amor na vida moderna. A intervenção mostra como a Cia. entende a estética negra, mostrando o processo de construção de uma cena que indicará como funciona o processo de pesquisa cênica dos Crespos e uma amostra do projeto O projeto “Dos Desmanches aos Sonhos – Poética em Legítima Defesa” uma investigação sobre o impacto da escravidão e as esferas das relações afetivas entre os negros.

E às 19h10 BAKÔ – A OUTRA MARGEM, solo de dança de Luciana Ramos. BAKÔ, palavra da língua bambara (África do Oeste) é um solo que tem a memória, enquanto recriação do vivido, como impulso do processo criativo. O universo das danças de matrizes afrodiaspóricas é a referência técnica e simbólica fundamental na trajetória  de fluências e encruzilhadas do corpo negro que cria e recria mundos na urbanidade contemporânea. Projeto Desenvolvido com subsídio do Rumos Itaú Cultura Dança -2012/2014.


SERVIÇO 

PÍLULAS DE CULTURA FEIRA PRETA

Dia 25 de agosto de 2013, das 16h às 20h

Local: Centro Cultural São Paulo R. Vergueiro, 1000, Sala Adoniran Barbosa, 622 lugares Classificação: Livre Horário: das 16h às 20h

Tel. Informações: (11) 3397-4002

 com ENTRADA FRANCA.

Flyer Pílulas da Cultura
Flyer Pílulas da Cultura

Finalmente, novos projetos!

Olá a todos,

Nem precisa dizer que andei sumida. Por um bom motivo, creio. Como não se faz nada na vida sem dinheiro, estive correndo atrás do famoso. E deu resultado! É com felicidade que anuncio que fui uma das ganhadoras do último PROAC, o Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo, na categoria Editais. Esperamos em breve fazer uma bela exposição no Museu de Arte Contemporânea de Americana e, enquanto o momento não chega, vamos colocando o que esta rolando na produção da obra na seção “Projetos”.

Nesta seção vocês irão encontrar dados sobre o projeto premiado, o andamento da proposta, o que me levou a esta nova pesquisa, etc. Para início, já vai o texto de justificativa para o projeto, esclarecendo assim os caminhos que estou percorrendo agora. Em breve, também, fotos das imagens feitas no Tamarind Institute e que, finalmente, chegaram a São Paulo. Estes trabalhos foram fundamentais para que eu iniciasse esse momento novo em minha pesquisa.

Abaixo, então, as primeiras imagens que me levaram a esta nova pesquisa.

Um grande abraço!


 

ASSENTAMENTO. Imagem transferida sobre papel, grafite e aquarela. 37,5 x 27,5 cm. 2012.
ASSENTAMENTO. Imagem transferida sobre papel, grafite e aquarela. 37,5 x 27,5 cm. 2012.

 

ASSENTAMENTO. Imagem transferida sobre papel, grafite e aquarela. 37,5 x 27,5 cm. 2012.
ASSENTAMENTO. Imagem transferida sobre papel, grafite e aquarela. 37,5 x 27,5 cm. 2012.

Pois é, começou com as imagens acima, super simples, lápis, aquarela e uma transferência teste sobre o papel e se transformou, no Tamarind, em gravuras grandes (logo serão postadas) e agora vão virar uma instalação em tamanho natural. Estou super curtindo este projeto e espero que vocês curtam também.

Beijo a todos,

Rosana

Conversa no Afro!!!!!!!!!!!!

Meus queridos,

Teremos uma conversa ótima no Museu AfroBrasil neste domingo, dia 25, as 14:30 horas. Desculpem a chamada em cima da hora mas sei que o pessoal do museu já esta cuidando disso, então resolvi fazer próximo ao evento para lembrar os que já viram pelo face e esqueceram…

Conto com vocês. Gente muito interessante e com muito para falar, como vocês podem ver pelo convite.

Um grande abraço e até,

Rosana


Arte Contemporânea Afro-Brasileira

Casa nova!!!!!!!!!!

Olá a todos.

Meus queridos, este blog esta de cara nova! Estamos de mudança! A partir de agora o blog passa a fazer parte do meu site www.rosanapaulino.com.br . Não é lindo? Com mais informações, fotos, biografia, textos sobre meu trabalho etc e tal. Ótimo, não? Também vai ter uma página com os novos projetos. É claro que vocês terão que ter paciência, a construção do site é lenta… e infelizmente minha mão também não ajuda. A tendinite continua rondando… Mas, como se diz, devagar se vai ao longe!

Beijo grande e esperando todos no novo espaço,

Rosana Paulino